domingo, 31 de outubro de 2010

Greg Pattillo



   Esse já é uma sensação antiga da internet, mas que merece ser mencionado. Greg Pattillo, homem descrito pela New York Times como: “talvez o melhor do mundo fazendo o que ele faz”. Greg teve treinamento clássico em flauta, e insere na melodia uma percussão vocal do gueto nova iorquino o “beat box”. Saca só sua versão da musiquinha do Super Mario:


   O que eu acho mais legal no trabalho do Greg é esse estilo erudito com a linguagem urbana. Uma coisa meio Jazz no Metrô, Música Clássica com batida de Hip Hop. O próprio musico comenta “Eu cresci com o conceito de que flauta não é algo legal, e meio que internalizei isso” e conclui “Estou particularmente interessado em fazer a flauta legal novamente”. E ele faz.




   Hoje o artista está numa banda chamada The Project (Myspace da banda) com outros dois músicos: o violoncelista Eric Stephenson (Que ele conheceu na plataforma da Union Square do metrô) e o Contrabaixista Peter Seymour (Que muito parece um Tony Shalhoub mais novo). A banda segue o estilo improviso, jazz, clássico, e tudo mais que marca a carreira de Greg Pattillo. Me despeço com a versão de O Quebra-Nozes de Tchaikovsky da Banda.

Comentários
1 Comentários

Um comentário:

  1. dificil de entender como ninguem comenta aqui.
    Muito bom seu blog mano

    Continua assim!

    ResponderExcluir